segunda-feira, 25 de agosto de 2008

ESTA SEMANA COMEÇAM OS DESFILES ESCOLARES NO MUNICÍPIO DE CARDOSO MOREIRA


No dia 30 de agosto (sábado), as 14 horas, acontecerá o Desfile Escolar que fará parte das comemorações da Festa em São Joaquim. Estarão presentes as escolas: E. E. M. Manoel Joaquim da Silva Pinto, E. E. M. Márcia Regina de Motta Barros, E. Municipal Alberto Luiz, E. E. Municipalizada Boa Sorte e E. Municipal Francisco Ribeiro de Souza.


A partir do dia 04 de setembro serão iniciados os Desfiles Cívicos Escolares em comemoração a Semana da Pátria, com o tema: "Educar para a Cidadania".

Confira abaixo as datas dos desfiles e as referidas escolas que participarão:

04 DE SETEMBRO:

E.E. Municipalizada Azevedo Cruz;

Creche Escola Santa Rita de Cássia;

E. M. Dom Antônio Corrêa;

E. M. João Batista Barreto.


05 DE SETEMBRO:

E. M. Maria da Penha Marins Siqueira;

E. M. Rosângela Zaquieu Higino;

Creche Escola Nadir Garcia de Oliveira;

C. Estadual Baltazar Carneiro;

CIEP Admar Ferreira de Medeiros;

Centro Educacional Maria Imaculada;

Centro Educacional Crescer;

terça-feira, 29 de julho de 2008

quinta-feira, 10 de julho de 2008

XX FECAM Festival da Canção de Cardoso Moreira


XX FECAM Festival da Canção de Cardoso Moreira
Canções vencedoras
1ª - Colocada - Sorriso de Odete de América Rocha - repr. de Campos dos Goytacazes RJ
2ª Colocada - Apanha mas e feliz de Gualter Torres - repr. de Itaperuna RJ
3ª Colocada - O Muro de Cris Dalana repr. de Campos dos Goytacazes RJ
4ª Colocada - Beira de Rio de Paulo Ciranda e Flores repr. do Rio de Janeiro RJ
5ª Colocada - Foliões de ricardo Antunes repr. de Cardoso Moreira RJ
Melhor Intérprete - América Rocha com Sorriso de Odete - composição de América Rocha - repr. de Campos dos Goytacazes
Maior Comunicação com o público - Apanha mas é feliz - repr. de Itaperuna RJ
Compositor na final do XX FECAM mais distante de Cardoso Moreira RJ foi Paulo Ciranda da cidade do Rio de Janeiro RJ
ver mais no orkut casadaculturaljb@gmail.com

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Xeque-mate: escolas estaduais do Rio se preparam para a entrada de xadrez no currículo escolar

RIO - Em 2006, o estudante Paulo dos Santos de 15 anos teve seu primeiro contato com o tabuleiro quadriculado em preto e branco do xadrez graças ao incentivo de um professor. Ele achou as peças curiosas e estranhas e resolveu aprender. Dois anos depois, o menino tornou-se um grande campeão dos torneios intercolegiais de Duque de Caxias, entre eles o Campeonato Estudantil Juvenil da cidade, e suas notas passaram de muito ruins a excelentes.
Assim como Paulo, outros alunos da rede estadual de Educação serão "iniciados" no jogo graças a uma lei estadual promulgada na semana passada que estabelece a obrigatoriedade do xadrez em todas as escolas da rede. O projeto de lei foi promulgado pelo presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) , o deputado Jorge Picciani, mesmo depois do veto do governador Sérgio Cabral. Segundo o governador, os objetivos da proposta já se encontravam atendidos pelo programa de "Xadrez nas Escolas" criado em 2005, através de uma parceria do Governo do estado com a Federação Estadual de Xadrez e a secretaria de Educação. Para entrar em vigor, a lei só precisa ser regulamentada.
- Antigamente, não conseguia ler duas linhas, não tinha paciência. Sou uma outra pessoa agora com o xadrez, minhas notas e, principalmente, meu comportamento mudaram muito - conta Paulo que é aluno da 7ª série do ensino fundamental do Colégio Estadual Monteiro Lobato, em Caxias.
De acordo com o presidente da federação, Ricardo Barata, o programa foi aplicado em 60 dos 92 municípios do estado, atendendo mais de 25 mil crianças em 250 escolas, mas acabou não indo para frente no ano seguinte, devido a outras prioridades do governo, como suprir a falta de professores.
A secretaria de Educação informou que não existe um quantitativo hoje de quantas escolas da rede oferecem xadrez. Muitas deram continuidade às atividades do programa através de parcerias com ongs ou em empreendimentos próprios, mas em outras, a iniciativa não vingou. A secretaria anunciou que fará um levantamento, em breve, para conhecer números e experiências bem-sucedidas que poderão fornecer subsídios para a implantação da lei. Experiências como a do projeto "Virando o jogo", idealizado e coordenado pelo professor Aldenir Batista Manhães, o mesmo que ensinou Paulo a jogar xadrez. Ele conta que tudo começou como uma brincadeira há dois anos para melhorar o desempenho de alguns estudantes:
- Eu tinha quatro alunos com notas péssimas e próximos de repetir o ano, e lhes propus o seguinte desafio: se eles conseguissem aprender xadrez, eu relevaria as advertências. De bagunceiros, eles começaram a ser visto como exemplos para outros garotos. Assim, ganharam auto-estima e melhoraram seu rendimento nas aulas. A idéia deu tão certo que foi implementada em outras escolas estaduais da Baixada Fluminense - conta ele, que, antes de ensinar xadrez,era professor de sociologia.
Pelo projeto, os alunos têm quatro aulas de xadrez por semana, o que segundo Manhães, tem contribuído para melhorar as notas e o comportamento deles na escola e em casa.

- Além disso, eu levei os tabuleiros para as praças no entorno das escolas para envolver toda a comunidade e, principalmente, os pais. Os meninos têm participado dos campeonatos intercolegiais de xadrez e conquistado ótimos resultados - comemora.
Para o presidente da federação de xadrez, Ricardo Barata, o jogo é uma
ferramenta pedagógica de "baixo custo, prática e extremamente eficaz para melhorar o rendimento dos estudantes ".
- Concentração, imaginação, disciplina, raciocínio ló-gico, memória, entre outras, são as principais capacidades otimizadas pela prática do jogo - enumera. Barata considerou a lei que obriga o ensino do jogo nas escolas estaduais muito positiva, principalmente, por ser a primeira no país, e espera que ela possa ajudar a reativar o programa "Xadrez nas Escolas", que, segundo ele, é um dos maiores projetos da área no país.
- Apesar de não estar na pauta de prioridades do governo no momento, ele foi muito bem-sucedido e plantou muitas sementes nas escolas, que continuam com o trabalho de xadrez e mudaram a vida de muitos meninos - diz.
Marta Reis - O Globo Online

domingo, 22 de junho de 2008

Mude a cara do seu navegador de internet com PicLens

PicLens é um aplicativo que transforma seu navegador em uma ferramenta de apresentação de slides. Com ele você poderá ver as fotos e vídeos dos sites em que navega, tudo em tela cheia. O aplicativo funciona como um plugin para seu navegador que, depois de instalado, cria uma pequena tecla de atalho nas imagens e para que você possa visualizar as imagens expandidas.
O PicLens se integra aos principais serviços de busca e publicação de imagens como o Picasa, Google Images,
Facebook e outros, para que você tenha uma melhor visualização de fotos não se limitando ao espaço do browser.


Site de busca é alternativa à "caretice visual" do Google

O Search Me é um motor de busca que se parece muito com que Apple faz com iTunes. Os idealizadores do Searchme dizem que, com a chegada desse modo de busca, o Google vira coisa do passado. Será? Confira!

http://www.piclens.com/

Confira:
http://olhardigital.uol.com.br/links/link.php?id_conteudo=5680

quinta-feira, 19 de junho de 2008

Projeto de lei de senador cria sessões mensais de filmes brasileiros na escola pública, para formar platéias

RIO - Pela lógica do senador Cristovam Buarque (PDT-DF), 46.610.710 potenciais espectadores estão à espera de um filme brasileiro neste momento. Esse público, capaz de fazer enfartar de alegria qualquer produtor, está espalhado pelos 165.937 estabelecimentos de ensino das redes federal, estaduais e municipais do Brasil, nos ciclos fundamental e médio da formação escolar. Esses números vêm do último censo promovido pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) para que o Ministério da Educação (MEC) quantificasse o total de alunos no país. Eles são a platéia que Buarque espera formar com o projeto de lei (nº 185) que encaminhou para a Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal, torcendo por uma futura aprovação pela Câmara dos Deputados.
"Filmes podem passar em DVD", diz senador
Sua ementa: "A exibição de filmes de produção nacional constituirá componente curricular complementar integrado à proposta pedagógica da escola, sendo a sua exibição obrigatória por no mínimo duas horas mensais".
- Não precisa haver um cinema dentro da escola para isso. Pode ser só uma TV, com um DVD - diz o senador. - O importante é que se assista a cinema brasileiro, de curta, longa e média-metragem. Eu não penso em entretenimento com isso. Estou pensando na educação artística dos alunos.
A preocupação de Buarque ao explicar o projeto é deixar claro que não quer fazer da escola "um telecurso". Filmes pedagógicos, como os vídeos sobre educação ambiental, saúde e higiene, comuns em salas de aula, não contam na meta de duas horas que as escolas públicas teriam que cumprir - e nada impede que as privadas sigam o mesmo rumo.
- A idéia é criar uma massa brasileira que goste de cinema. O cinema aqui só existe porque é financiado pelo Estado. Ele tem ser financiado porque não tem um número de espectadores que o sustente. E não tem porque as pessoas não têm acesso aos filmes - diz Buarque, defendendo a idéia de que levar ficções, documentários e animações de diferentes bitolas ou formatos à escola pode mudar a realidade do mercado exibidor nacional.
Segundo Buarque, caberá às secretarias de Educação dar o apoio às escolas para a aquisição e a exibição dos filmes. Já a escolha dos títulos fica a cargo dos diretores, coordenadores e professores, a partir da realidade de cada instituição.
- Esse projeto não tem um custo astronômico. E não vai ser implantado de uma vez. Ele pode levar de cinco a dez anos para chegar a todas as escolas, mas dará resultados na formação de platéia.
Nas contas do senador, há cerca de 20 mil escolas no Brasil sem água e luz. Mas elas não estão descartadas do circuito exibidor escolar com que Buarque sonha:
- Para que esse projeto chegue até esses locais sem luz e água, eles precisam ser reconstruídos. Mas eu estou partindo do princípio de que as escolas brasileiras não vão ficar para sempre com as péssimas condições arquitetônicas que vemos hoje em alguns locais. Se nos conformarmos com a precariedade e deixarmos de fazer propostas por conta dela, isso só vai deixar o Brasil ainda mais precário.
A argumentação ganha mais força quando se escuta a opinião da secretaria de Educação do estado com menos estabelecimentos de ensino (722) e com o menor número de estudantes matriculados (136.148) no Brasil: Roraima.
- Temos três escolas na rede estadual de Roraima que levam alunos ao cinema regularmente, de ônibus. Por isso, eu vejo esse projeto do Cristovam como algo viável. Ele só requer alguma adaptação - defende o secretário de Estado da Educação de Roraima, Luciano Moreira.

Na classe cinematográfica, a lei parece bem-vinda:
- Se formos ficar esperando a criação de novas salas para formar público, nada vai acontecer. Esse projeto cria o hábito do cinema - diz a veterana produtora Lucy Barreto.
Mas para quem está na sala de aula no dia-a-dia, o plano cinematográfico de Buarque tem dois lados, como sugere a professora Celina Maria de Souza Costa, diretora do Colégio de Aplicação (CAP) da UFRJ.
- Dentro da proposta do MEC de ampliar o tempo de permanência do aluno na escola, o projeto do senador Cristovam Buarque é perfeito. Mas para que ele aconteça é preciso estrutura. Se a escola vai ter um setor responsável pelo audiovisual, é preciso que haja um profissional capacitado para isso. Ou será que os professores vão ter de acumular funções?
Estrutura em pequenas cidades preocupa
Secretária municipal de Educação do Rio de Janeiro, Sonia Mograbi levanta uma reflexão pedagógica:
- Projetos que promovem o acesso aos bens culturais, em geral, contribuem para a formação, mas devem estar em consonância com o projeto político-pedagógico da escola, para não cumprirem uma mera formalidade.
Na rede privada, são comuns as iniciativas de aproximar os alunos dos filmes. Por isso, o projeto soa como uma ação pedagógica possível.
- Entre espectadores mais velhos, ainda existe certa resistência em relação ao cinema brasileiro. Sua exibição nas escolas pode quebrar esse preconceito - diz Rafael Cunha, diretor e coordenador de língua portuguesa do colégio-curso Ponto de Ensino, que tem nove filiais pelo Rio. - Nos grandes centros, as escolas têm aparatos para exibir filmes. A questão é em relação ao âmbito nacional. Será que as sessões seriam em uma TV pequena para muitos alunos?
Buarque não tem essa resposta. Mas tem a certeza de que algo precisa mudar na educação brasileira.
- Todos falam que a escola é violenta. Uma das razões dessa violência é que a escola é vista como chata. Ela não é atraente. Ele precisa ser gostosa para os alunos. E o cinema pode ajudar nisso.
Fonte: Rodrigo Fonseca - http://www.oglobo.com/

Escolas de ensino médio têm até domingo para escolher livros didáticos

BRASÍLIA - Termina no próximo domingo (22) o prazo para que as escolas da rede pública selecionem os livros didáticos que serão usados pelo ensino médio no próximo ano letivo. De acordo com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), que coordena o processo, apenas 11% das instituições já escolheram as obras que serão utilizadas pelos alunos em 2009.
Cada escola recebe do FNDE, pelos Correios, uma senha de acesso para efetuar o processo pelo site do fundo. Os colégios que não escolherem os livros não deixam de receber o material, mas ganharão os títulos mais solicitados pelo seu município, o que pode prejudicar o projeto pedagógico da escola.
Em 2007, 86% das unidades públicas de ensino médio fizeram a adesão. Mais informações podem ser obtidas na central de atendimento do FNDE, pelo telefone (61) 3966-4135.
Fonte: Agência Brasil (www.oglobo.com)

Justiça quer confirmar se escolas ensinam cultura afro-brasileira

RIO - Uma liminar concedida, na segunda-feira, pela juíza Teresa de Andrade Castro Neves, da 2ª Vara de Fazenda Pública, determina uma perícia nos currículos de escolas particulares e públicas do Rio para verificar se elas estão cumprindo a Lei 10.639/2003, que tornou obrigatório o estudo de cultura afro-brasileira nos ensinos fundamental e médio.Os estabelecimentos terão cinco dias para apresentar seus currículos.
A lei federal, de 9 de janeiro de 2003, estabelece que o conteúdo programático inclua o estudo de História da África e dos africanos, da luta dos negros no Brasil, da cultura negra brasileira e do negro na formação da sociedade nacional.

sábado, 14 de junho de 2008

ESTRÉIAS DO CINEMA BEM PERTINHO DE VOCÊ

Dois novos filmes estréiam neste fim de semana na cidade de Campos dos Goytacazes: O incrível Hulk e Fim dos tempos.
O incrível Hulk:
Depois de participar de uma experiência científica que deveria gerar supersoldados, o cientista Bruce Banner passa a se transformar em uma criatura gigantesca e com força sobre-humana quando seus batimentos cardíacos aumentam muito. Procurado pelas autoridades que conduziam esses testes, Banner tenta achar a cura para seu estado, até que seu rastro é descoberto. Decidido a encontrar-se com outro cientista que tenta ajudá-lo, o protagonista decide que é hora de voltar para casa.

Título Original: The Incredible Hulk (EUA, 2008)Direção: Louis LeterrierElenco: Edward Norton, Liv Tyler, Tim Roth, William Hurt, Robert Downey Jr., Tim Blake Nelson, Peter Mensah, Ty Burrell, Christina Cabot

Fim dos tempos:
Professor de ciências tenta defender a família quando os habitantes do nordeste dos Estados Unidos, onde fica a Filadélfia, é afetado por um desastre de proporções catastróficas. Uma substância tóxica que surge não se sabe de onde impede que as defesas naturais do ser humano atuem e as pessoas começam a cometer suicídios em massa.

Título Original: The Happening (EUA/ Índia, 2008)Direção: M. Night ShyamalanElenco: Mark Wahlberg, Zooey Deschanel, John Leguizamo, Spencer Breslin, Betty Buckley, Tony Devon, Victoria Clark, Jeremy Strong, Frank Collison, Stéphane Debac, Ashlyn Sanchez, Robert Bailey Jr., Edward James Hyland, Susan Moses

E para a criançada não ficar de fora temos ainda As Crônicas de Nárnia: Príncipe Caspian.
As Crônicas de Nárnia: Príncipe Caspian.
Na sequência de "O Leão, a Feiticeira e o Guarda-roupa", os irmãos Pevensie deixam Londres e retornam a uma Nárnia. Ao invés da passagem do guarda-roupa, Pedro, Susana, Edmundo e Lúcia são transportados através de uma trompa mágica tocada pelo novo herói da história: o Príncipe Caspian, que tentar ocupar o trono e sofre com a traição de seu tio Miraz.



Delícias juninas com menos calorias

O dia de Santo Antônio abre os festejos juninos. É festa na escola, na academia, no condomínio. Para ninguém sofrer do efeito sanfona, a saída é cortar calorias dos pratos típicos. Pode ser a ajuda de que o santo casamenteiro precisa para lhe arrumar um par.
Segundo a nutricionista Sônia Almeida, do Vigilantes do Peso, medidas simples ajudam a reduzir o valor calórico dos quitutes. A primeira coisa é cortar a quantidade de açúcar.
- Com exceção do quindim, todos os outros doces podem ser feitos com menor quantidade de açúcar sem prejuízo. É o caso da
pamonha , da canjica , do arroz doce - diz ela, recomendando ainda a substituição de manteiga por margarina, leite integral por desnatado e da farinha de trigo branca pela integral. - Uma idéia interessante é trocar o coco ralado do doce de abóbora por cenoura . Faz o mesmo efeito e o doce fica mais nutritivo.
Nos pratos salgados, a vilã é a gordura animal.
- No caldo verde, troque a lingüiça calabresa por uma de ave light. Se for preparar uma canjica salgada, use carne-seca de primeira, que é bem menos gorda - orienta Sônia, que orienta os caipiras a trocarem o salsichão com farofa por um milho cozido. - Um sasichão tem mais de 250 calorias. Já o milh oé pouco calórico e rico em fibras e magnésio.
E se o desejo for de doce, ela orienta a dar preferência à maçã-do-amor:
- É uma fruta. Mesmo com a camada de açúcar não passa de 60 calorias.

Confira algumas receitas:
Pamonha diet
Publicada em 12/06/2008 às 21h36m
4 espigas de milho verde com palha; 1 xícara de leite desnatado; 3 colheres (de sopa) de açúcar mascavo; adoçante em pó a gosto
1. Rale as espigas e junte o leite e o açúcar.
2. Lave e passe por água fervente a palha de milho. Coloque uma dentro da outra formando um saco e dobre uma das extremidades ou amarre com uma tira do próprio milho. Forme quatro sacos. Divida o recheio e dobre ou amarre a outra extremidade. Se dobrar as extremidades, amarre a superfíe para prender bem as dobras.
3. Numa panela com bastante água fervente coloque a pamonha para cozinhar durante 30 minutos. Retire e aguarde esfriar um pouco antes de servir.
Rendimento: 4 porções
Valor calórico: 169 calorias

Canjica diet
Publicada em 12/06/2008 às 21h36m
Ingredientes: 1/2 kg de milho branco seco; 1,5 litro de leite desnatado; 2 a 3 pedaços de canela em pau; 1 lasca de 5 centímetros de casca de limão sem a parte branca; 6 a 8 envelopes de 0.8g de adoçante em pó para forno e fogão; canela em pó a gosto
Modo de preparar
1. Coloque o minho numa caçarola média e cubra com água morna. Deixe descansar por duas a quatro horas ou deixe de pernoite. Escorra. Adicione água o suficiente para cobrir o milho. Ferva em fogo alto. Reduza o fogo para médio e cozinhe até amaciar levemente.
2. Na mesma panela, acrescente a metade do leite, a canela e a casca de limão. Cozinhe até engrossar. Acrescente o restante do leite e cozinhe por mais cinco minutos. Retire do fogo e adicione o adoçante. Aguarde cinco minutos para servir.
Rendimento: 8 porções
Valor calórico: 193 calorias

Arroz doce diet
Publicada em 12/06/2008 às 21h36m
Ingredientes: 2 xícaras de arroz agulinha; 4 xícaras de leite desnatado; 4 colheres (de sopa) de passas de uva branca sem sementes; 6 cravos-da-índia; 1 pedaço de 3 centímetros de casca de limão sem a parte branca; adoçante em pó a gosto; canela em pó a gosto Modo de preparar
1. Numa caçarola média, adicione o arroz e cubra com com água suficiente. Leve ao fogo alto até ferver. Reduza o fogo para médio e cozinhe até ficar quase macio.
2. Acrescente o leite, a passa, o cravo e a casca de limão. Cozinhe até ficar cremoso.
3. Retire do fogo, adicione o adoçante e mexa. Retire a casca de limão e distribua em tigelas individuais. Polvilhe a canela em pó antes de servir.
Rendimento: 8 porções
Valor calórico: 180 calorias

Quentão legal
Publicada em 12/06/2008 às 21h36m
Ingredientes: 2 xícara de água; 2 limões cortados em rodelas; 1/2 colher (de chá) de gengibre ralado; 2 a 3 cravos-da-índia; 1 pedaço de cinco centímetros de canela em pau; 1 colher (de chá) de essência de rum; adoçante em pó de forno e fogão a gosto; canela em pó a gosto
1. Numa panela, misture todos os ingredientes, menos a essência e o adoçante. Leve a ferver por um a dois minutos. Retire do fogo. Adicione a essência e o adoçante. Sirva quente.
Rendimento: 4 porções
Valor calórico: 12 calorias

Bolo de fubá com passas
Publicada em 12/06/2008 às 21h35m
Ingredientes: 4 xícaras de leite desnatado; 1 xícara de fubá fino; 4 ovos batidos levemente; 2 colheres (de chá) de essência de baunilha; adoçante em pó para forno e fogão a gosto; 4 colheres (de sopa) de passas de uva; 1 colher (de chá) de margarina light para untar
1. Numa panela, esquente o leite. Com a mão cheia de fubá polvilhe lentamente o fubá sobre o leite, enquanto mexa com a outra. Proceda assim até terminar com o fubá. Continue a mexer até engrossar. Retire do fogo.
2. Acrescente o ovo, a baunilha e a passa. Transfira a mistura para uma fôrma untada com margarina. Asse em forno moderado a 180 graus por 20 minutos até firmar.
Rendimento: 4 porções
Valor calórico: 151 calorias

Tatiana Clébicar - O Globo Online

Cerca de 165 milhões de crianças não têm acesso à educação

Reportagem da agência EFE mostra denúncia feita pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) por ocasião do Dia Mundial contra o Trabalho Infantil. Na América Latina, o Brasil é o país mais afetado pelo problema.
Veja a reportagem no link abaixo:

SBT EXIBE SÉRIE DE REPORTAGENS SOBRE TRÁFICO DE ANIMAIS SILVESTRES

O Jornal do Sbt começou a exibir nesta semana uma série de reportagens sobre o tráfico de animais silvestres.
O material foi produzido pelos repórteres Fabio Diamante, Thiago Bruniera e Ronaldo Dias.
Assista ao material da segunda reportagem exibida no dia 11 através do link abaixo:

Jardim Botânico comemora 200 anos

Ele nasceu com a idéia de ser um simples jardim de aclimação. Depois de pronto, foi elevado a Real Horto, tamanha era a beleza. Em seu aniversário de 200 anos, o Jardim Botânico continua a encantar como fez com Dom João, em 1808. Durante a cerimônia de celebração do bicentenário, o parque assinou um convênio com o Ministério do Meio Ambiente para a criação do Centro Nacional de Conservação da Flora.
O projeto tem como objetivo listar e salvar as espécies de planta nativas em extinção. Segundo o ministro de Meio Ambiente, Carlos Minc, o centro, junto com outras atividades científicas e culturais, como a criação do Espaço Tom Jobim, tornam o parque exemplo para outras unidades de conservação no país:
- O Jardim Botânico está dando o exemplo de que meio ambiente é mais do que o verde. É memória e cultura. Queremos que outras unidades sigam este caminho, estabelecendo parcerias. A pessoa tem que entrar no parque e sair motivada a defender a natureza.
O projeto custará $ 2,5 milhões e será financiado pelo Banco Mundial e o Funbio. Na cerimônia foram lançados um livro institucional sobre os 200 anos do parque, uma medalha confeccionada pela Casa da Moeda.


Histórias de um bicentenário
Mesmo tendo sido construído em 1808, somente em 1822, o Jardim Botânico foi aberto à visitação. Antes disso, este era o local onde Dom João e Carlota Joaquina passeavam nos fins de semana.
Foi Dom João o responsável por uma das partes mais famosas do Jardim Botânico: a Aléia Barbosa Rodrigues com suas 137 palmeiras imperiais enfileiradas. Em 1809, ele mesmo plantou a chamada palmeira imperial ou palma-mater e, hoje as descendentes dela formam os 740 metros de extensão, que vão do portão principal até a Rua Pacheco Leão. A altura média das plantas atinge 25 metros.
A paixão pelo local era tanta que Dom João chegou a trazer cerca de 300 chineses para implementar a cultura de chá no Jardim. Essas e muitas outras curiosidades deste patrimônio histórico nacional e reserva da biosfera são contadas em uma trilha histórica que sai de hora em hora, apenas neste final de semana.

Fonte: O globo online

sexta-feira, 13 de junho de 2008

Site do MEC disponibiliza downloads de obras gratuitos

Sim! Livre acesso a livros, músicas, imagens e vídeos é uma realidade no Brasil.
Criado em 2004 pelo Ministério da Educação (MEC), o site
Domínio Público disponibiliza 84.047 obras para downloads gratuitos. Dentre os arquivos de textos, encontram-se desde autores como Franz Kafka, Immanuel Kant até Machado de Assis, Shakespeare e Dante Alighieri, sempre respeitando seus direitos autorais.
“Com a monopolização da indústria gráfica sob os preços dos livros, é praticamente impossível que o brasileiro mantenha o hábito de leitura através de sua compra”, afirma Marina Viegas Satlher Pavão, graduada em letras na USP. Ela aprova ainda a iniciativa do MEC em viabilizar o acesso à literatura e aos diversos meios de cultura.
Grande quantidade, baixa qualidade?
Aparentemente não é o que ocorre no site. Porém, mesmo quando surge tal questionamento, a diretora e coordenadora do Colégio Paulista, Regina Luiza Terribili Santos, acredita não haver problemas caso haja falta de qualidade nas obras disponíveis, pois “há aprendizado sobre a questão do leitor selecionar seus textos e avaliar a qualidade ou não dos demais”.
Para a diretora, os professores devem fazer um bom trabalho com seus alunos, ajudando-os a identificar “os pontos essenciais a serem observados em um bom texto”.
Apesar de ser uma boa iniciativa, o site não substitui a responsabilidade do governo em promover educação de qualidade. “O que vemos hoje é justamente o contrário, iniciativas como estas são usadas para camuflar a falta de compromisso do Estado com a educação pública”, diz Marina.
Obras e seus autores
Entre as obras mais acessadas estão “A divina Comédia”, de Dante Alighieri e “Mensagem”, de Fernando Pessoa. Encontra-se ainda “A Comédia dos Erros” e “Romeu e Julieta”, ambas de William Shakespeare. Escritores que continuam famosos e significativos por trazerem em suas obras questões que não perdem sua validade no tempo.
O último autor a ter suas obras disponíveis no site foi Eça de Queiros, um cronista da sociedade portuguesa do séc. 19. “Podemos dizer que ele deixou em suas obras ensinamentos sobre como a sociedade tende a achar naturais coisas como a corrupção, a concentração de renda, a falsidade das instituições como a Igreja e Governo etc.”, diz Marina.

Outras bibliotecas digitais:
Biblioteca Nacional -
http://www.bn.br/site/default.htm
Biblioteca Digital de Obras Raras - http://www.obrasraras.usp.br/
Paula Menezes
Site:www.ig.com.br

DINHEIRO SUJO!

Aprendido desde a infância, o velho hábito de lavar as mãos depois de manusear o dinheiro é algo fundamental para nossa saúde. Uma pesquisa inédita no Brasil revelou a grande quantidade de bactérias e fungos presentes nas cédulas de dinheiro. Uma equipe de cientistas brasileiros calculou a quantidade de microorganismos presentes nas cédulas brasileiras por cm². O resultado foi óbvio: o nosso dinheiro é muito sujo. Para se ter uma idéia, a média nas notas de R$ 1 foi de 50 microorganismos por centímetro quadrado. Essas são, justamente, as cédulas mais sujas devido ao fato de serem as mais manuseadas. Nem todas as bactérias presentes no dinheiro são nocivas para nossa saúde, algumas delas são encontradas no próprio intestino grosso do homem. No entanto, grande parte desses microorganismos pode causar problemas de saúde, como a Staphilococcus aureus, espécie mais encontrada e que pode causar séria intoxicação alimentar. Segundo especialistas, para retirar todos os microorganismos presentes nas mãos, é recomendável lavá-las durante 1 minuto, embora isso não seja alto tão prático. Além disso, também é aconselhável optar por notas de plástico, que possuem uma contaminação menor, e evitar que as notas caiam no chão.

Fonte: Folha online

Ensino básico no Brasil piorou se comparado a 1995


Os alunos brasileiros ainda estão num patamar inferior ao verificado em 1995 quando se analisa o desempenho em provas de português e matemática, de acordo com reportagem de Antônio Gois e Ângela Pinho publicadas na edição desta sexta-feira da Folha de S.Paulo.
O MEC comemorou uma melhor anteontem, ao divulgar os resultados do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) que leva em conta tanto o aprendizado dos alunos --medido em testes de português e matemática-- quanto o percentual de aprovação. Para comparar desde 1995, no entanto, é preciso analisar as médias dos estudantes em avaliações bianuais.
Conforme a reportagem, essa comparação "mostra que em só uma prova --a de matemática na 4ª série-- a média dos estudantes em 2007 superou a de 12 anos antes". Nas demais, a melhoria nos últimos dois anos foi insuficiente.
"As maiores quedas em relação a 1995 foram nas provas de língua portuguesa na 8ª série do ensino fundamental e na 3ª do ensino médio. Numa escala de 0 a 500, a média dos alunos passou de 232 pontos para 235 em português na 8ª série, de 2005 a 2007. Esse avanço de apenas três pontos é pouco para compensar a queda registrada desde 1995, quando as médias chegavam a 256 pontos."

Fonte:Folha Online

segunda-feira, 9 de junho de 2008

Festa Político-administrativa de Cardoso Moreira é antecipada

Em virtude da mudança da festa em comemoração ao XVI Aniversário Político-Administrativo de Cardoso Moreira, que ocorrerá nos dias 17, 18, 19 e 20 de julho, o desfile comemorativo será realizado no dia 18 (6ª feira) às 09h, com o tema: “Escola Cidadã: Desenvolvendo corpos e mentes saudáveis”, abordando assuntos como:
· Hábitos para uma vida saudável (alimentação, cuidados com o corpo e a mente, meio ambiente, drogas lícitas e ilícitas);
· Respeito à vida (violência verbal e física na escola, no trânsito e no lar; respeito ao próximo e a si mesmo);
· Ser político (valores sociais e pessoais; direitos e deveres de cada um, etc.);
· Diversidade cultural (Cultura Afro-brasileira).

domingo, 8 de junho de 2008

Alencar sanciona projeto de lei que inclui filosofia e sociologia no currículo do ensino médio

Brasília e Rio - O presidente da República em exercício, José Alencar, sancionou no dia 06, no Palácio do Planalto, o projeto de lei que torna obrigatória a inclusão das matérias filosofia e sociologia no currículo das escolas de ensino médio públicas e particulares. A obrigatoriedade passa a valer a partir da publicação no Diário Oficial da União.
- Precisamos dessas duas matérias para nos facilitar o exercício da democracia - defendeu Alencar.
Filosofia e sociologia
foram retiradas do currículo em 1971 pelo governo militar e substituídas, na época, por educação moral e cívica.
- O ensino dessas duas disciplinas era desestimulado, porque não tinha amparo legal - afirmou Haddad que esteve presente na cerimônia.
De acordo com o deputado federal Ribamar Alves (PSB-MA), autor do projeto de lei, a sanção representa um grande resgate histórico daquilo que foi tirado dos jovens brasileiros na ditadura:
- Há muito tempo lutávamos por esta vitória - comemora Ribamar Alves, fazendo referência a um outro projeto similar que foi vetado pelo ex-presidente da república Fernando Henrique Cardoso, em 2001.
As disciplinas são obrigatórias nas três séries do ensino médio desde agosto de 2006, segundo um parecer do Conselho Nacional de Educação (CNE) - órgão consultivo do Ministério da Educação (MEC). Pela resolução, todos os estados brasileiros tiveram até agosto do ano passado para fixar as medidas necessárias para a implantação da norma, no entanto não existe um prazo para que a inclusão aconteça.
Para tornar obrigatório o ensino de sociologia e filosofia no currículo do ensino médio, o Congresso Nacional alterou o artigo 36 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996.
Fonte: O Globo

MEC lançará o Portal do Professor até o final de junho

Salvador - Um nova ferramenta para o uso de tecnologias em sala de aula deve ser lançada pelo Ministério da Educação (MEC) até o final de junho. O Portal do Professor foi apresentado pelo secretário de Educação à Distância do ministério, Carlos Eduardo Bielschowsy, durante o 52º Painel da Associação Brasileira de Telecomunicação (Telebrasil), na Costa do Sauípe (BA).
Além de informações para os docentes, o portal trará roteiros de aulas de acordo com as grades curriculares de cada discilpina. Esses planos incluem o uso de vídeos, fotos, áudio, textos e outros recursos para dinamizar as aulas, que estarão disponíveis no site.
"Nós queremos que o aluno, em primeiro lugar, seja alfabetizado digitalmente porque há muita exclusão. Depois, que ele possa ter acesso a uma aula mais divertida, que desenvolva a curiosidade e a vontade de aprender", disse Bielschowsy em entrevista à Agência Brasil
Em sua apresentação, o secretário citou um dado do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) que aponta que o desempenho dos alunos de escolas conectadas à internet melhoram de 5% a 10% em comparação ao de estudantes de escolas cujos laboratórios de informática estão desconectados.
Links para bibliotecas e museus de todo o país, dicionários e outros recursos também estarão disponíveis no site. Outra possibilidade será o desenvolvimento de conteúdos pelos próprios professores por meio de blogs e seminários online. De acordo com o secretário, a implantação não será imediata. Ele acredita que dentro de um ano todas as ferramentas estarão disponíveis.
A produção de conteúdos pedagógicos digitais é parte do Programa Banda Larga, lançado pelo MEC em abril e que prevê a instalação de redes de internet rápida em 56 mil escolas até 2010. No lançamento, o ministro da Educação, Fernando Haddad, reconheceu que os computadores e a internet seriam inúteis caso não houvesse um direcionamento adequado para seu uso.
Outra ferramenta do Portal do Professor será o Banco Internacional de Objetos Educacionais. A idéia é disponibilizar softwares e conteúdos de educação produzidos pelo Brasil, além de receber material de outros países.
Fonte: Agência Brasil

Enem tem prazo de inscrição prorrogado para o dia 13 de junho

O prazo para inscrições no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) foram prorrogados para até o dia 13 de junho. A prova acontece no dia 31 de agosto, às 13h. Pessoas que concluem o ensino médio neste ano e que concluíram em anos anteriores podem fazer a prova, que soma pontos em diversos vestibulares do país.
Podem se inscrever no Enem tanto estudantes que vão concluir o ensino médio em 2008 quanto pessoas que já o concluíram em anos anteriores. Todos podem optar por efetuar a inscrição nas agências dos Correios ou pela Internet.
Quem quiser se inscrever pelos Correios deve pegar a ficha na escola em que estuda --redes pública ou particular-- ou em agências dos Correios. Para alunos da rede pública, a inscrição é gratuita; para os da rede particular e formados, R$ 35. Quem estudar ou tiver estudado em escola particular e se declarar carente também fica isento do pagamento da taxa.
Também é possível realizar a inscrição pela internet --o método só não se aplica a quem é isento do pagamento da taxa de inscrição. Nesse caso, o candidato deve acessar o site do Enem, preencher a ficha, imprimir o comprovante e pagar o boleto bancário gerado em qualquer agência bancária. O pagamento pode ser feito até o dia 25 de julho.
Todos os candidatos receberão cartões de confirmação de inscrição até o dia 18 de agosto.
Folha Online

quinta-feira, 8 de maio de 2008

XX FECAM - Festival da Canção de cardoso Moreira dias 30 e 31 de maio de 2008 e assim se passaram 20 anos








Vem aí o XX Fecam - Festival da Canção de Cardoso Moreira dias 30 e 31 de maio de 2008 - inscrição de 07 a 21 de maio de 2008 - maiores informações (22) 27851200 ou 99996412
ou www.cardosomoreira.rj.gov..br
e-mail casadaculturaljb@gmail.com


terça-feira, 8 de abril de 2008

VII Feira e Festa do Livro 2008


VII Feira e Festa do Livro dias 16,17 e 18 de abril de 2008, em comemoração ao dia do livro infantil
Local Ginásio Poliesportivo Nassib Assed,centro - Cardoso Moreira RJ
Programação manhã,tarde e noite, dia 16 das 9 às 21 horas, nos dias 17 e 18 das 8 às 21 horas.
Atividades recreativas e culturais
Oficinas de artes e leitura
Apresentações culturais
Exposições
Venda de livros a partir de R$ o,50
Expositores: Livreiros 05 estandes para venda de livros
Expositores com oficinas:Colégio Estadual Baltazar Carneiro(alunos do curso Normal),Ciep 464 Admar Ferreira de Medeiros,Escola Municipal Maria da Penha Marins Siqueira, Centro Educacional Guimarães,Centro Educacional Maria Imaculada, Centro Educacional Crescer, Biblioteca Pública Municipal Prof.ª Elma Vieira Privatti Caldeira,Centro de Estudos Espiríta Eurípides Barsanulfo.

Realização
Departamento de Cultura/Secretaria Municipal de Educação e Cultura
Escolas e Entidades Culturais
Apoio
Prefeitura Municipal de Cardoso Moreira
Amigos da Cultura e Comércio Local.

sábado, 15 de março de 2008

Receita para reaproveitamento de alimentos

Pudim de Pão com sabor de pudim de leite condensado

MATERIAL

3 ovos
5 colheres de sopa de açúcar
2 pães de sal já passados
1/2 litro de leite

PREPARO

Bata no liquidificador os 3 ovos, junte o açúcar, coloque o leite e por fim os pães em pedaços e coloque para assar em banho-maria em forma caramelada.

segunda-feira, 3 de março de 2008

Informe Cultural com Ailton Nunes Guimarães

No Sábado dia 1° de março o Departamento de Cultura e a Prefeitura Municipal de Cardoso Moreira realizou no Parque Municipal de Exposições 31 de Julho uma festa de confraternização carnavalesca com os componentes do Boi Chupa Mas Não Baba e do Boi Caldo Verde, a festa que durou toda a tarde contemplou as comunidades do Bairro Novo Mundo e do Bairro da Palmeira, que contou com a participação musical de Jorge e Geraldo do Forró que fez a animação da galera, a festa que teve a organização do Departamento de Cultura/Sec.Municipal de Educação e Cultura contou também com a presença e participação do Prefeito Renato Jacinto.

Participe da VII Feira e Festa do Livro dias 16,17 e 18 de abril de 2008 Local Ginásio Poliesportivo Nassib Assed

Foto 1 - Oficina de sucata (peti) com pastor Macedo na VI Feira e Festa do Livro (ano 2007)
Foto 2 - Oficina de decopagem com a artista plástica Ana Ferreira na VI Feira e Festa do Livro (ano de 2007)







quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

Cardoso Moreira Cidade Carinho

Foto 1 - Ponte desativada na BR356 em Outeiro de Cardoso Moreira(Rio Muriaé)
Foto 2 - Vista panoramica do centro urbano da cidade de Cardoso Moreira, cortado pelo Rio Muriaé

Cardoso Moreira Cidade Carinho

Foto 1- Igreja Matriz de São José - Foto 2 - Igreja do Imaculado coração de maria

Cardoso Moreira Cidade Carinho

Foto 1 - Mirante do Cristo Foto 2 - Cachoeiras do Rio Muriaé Centro da Cidade





domingo, 24 de fevereiro de 2008

Calendário dos Principais Eventos Culturais de Cardoso Moreira RJ

* Março de 2008

Dia 19 de março é feriado municipal, dia de São José Padroeiro do Município de Cardoso Moreira RJ

Obs.: Este ano de2008 a Festa de São José vai acontecer nos dias 15 e 16 de março, o motivo é a Semana Santa- Programação organizada pela Igreja Matriz de são José - tel (22) 27851123

Programação

de 06/14 - Novena de São José

Dia 15 - Festa de são José - Celeb. D. Roberto

Semana Santa em Cardoso Moreira Programação da Igreja Matriz de São José

Programação

Dia 16 - Domingo de Ramos
Dia 19 - Procissão do Encontro
Dia 20 - Missa do Lava Pés
Dia 21 - Paixão de Cristo
Dia 22 - Vigília Páscal
Dia 23 - Páscoa - Resssurreição de Jesus

* Abril de 2008

Festa Country - Dias 10,11.12 e 13 - Local Bairro Praça Tiradentes - Organização de Anderson Campos

VII Feira e Festa do Livro-Dias 16,17 e 18 - Local Ginásio Poliesportivo Nassib Assed-Apresentações Culturais,Exposições e Venda de livros literários e coleções pedagógicas.Organizadores do evento Departamento de Cultura/Sec. Munic. de Educação e Cultura, Escolas e Entidades culturais. (22)27851200 ou 99996412

* Maio de 2008

Corpus Christi dia 22 - Programação da Igreja Matriz de São José e Igreja do Imaculado Coração de Maria

XX FECAM - Festival da Canção de Cardoso Moreira RJ, Dias 30 e 31 (sexta-feira e sábado) Local Cardoso Moreira Social Clube Organizadores do evento Movimento Cultural de Cardoso Moreira e Departamento de Cultura/Sec.Munic.de Educação e Cultura. (22) 27851200 ou 99996412

* Junho de 2008

II Festão Caipira de Cardoso Moreira - Dias 6,7 e 8 (sexta,sábado e domingo) Local Parque Municipal de Exposições 31 de Julho - Organizadores do evento Departamento de cultura/Sec.Munic.de Educação e Cultura e Entidades Sociais e Culturais (22) 27851200 ou 99996412.

Tradicionais Festas Juninas

* Julho de 2008

Festa de São Luiz - Dias 4,5 e 6 - Organização da Associação Comunitária Rural de São Luiz

Momento Country para eleger a Garota Expô - Dia 26 - Local Praça Ibrahim Assed - Organizador do evento Prefeitura Municipal de Cardoso Moreira (22) 27853050

XVI Exposição Agropecuária,Industrial e Comércial de Cardoso Moreira- Local Parque Municipal de Exposições 31 de Julho - Organizador Prefeitura Municipal de Cardoso Moreira - Dias 30 e 31 (quarta-feira e quinta-feira) continua no mês de Agosto (22) 27853050

obs.: Dia 31 de julho é feriado municipal dia do SIM, momento de grande importância para a nossa Emancipação Político-Administrativa.

* Agosto de 2008

Continuação da XVI Exposição Agropecuária, Industrial e Comércial de Cardoso Moreira - Dias 01,02 e 03 .

Festa de São Joaquim - Dia 16 - Padroeiro do 2° distrito de Cardoso Moreira RJ - Organizadores do evento Igreja Matriz de São José,Prefeitura Municipal de Cardoso Moreira e Comunidade de São Joaquim.

Festa do Folclore (Festival do Folclore de Cardoso moreira) Dia 30 - Local Praça Manoel Roberto -Centro - Organizadores do evento Departamento de Cultura/Sec.Munic. de educação e Cultura e Entidades Culturais (22) 27851200 ou 99996412

* Setembro de 2008

Comemorações do Dia internacional do Idoso - Dias 27 e 28 - Organizadores do evento Grupo da Terceira Idade Cidade Carinho e Prefeitura Municipal de cardoso Moreira (22) 27853050

* Outubro de 2008

Festa de Nossa Senhora Aparecida - Dia 12 - Organizadores do evento Igreja Matriz de São José e Igreja do Imaculado Coração de Maria (22) 217851123

* Novembro de 2008

Festa de Emancipação Político-Administrativa de Cardoso Moreira Dias 28,29 e 30 Local Prça Ibrahim Assed(criação do município - Dia 30) VII Encontro de Bandas e Fanfarras de Cardoso Moreira dia 30 (domingo) Organizadores do evento Prefeitura Municipal de Cardoso Moreira e Departamento de Cultura/Sec.Munic.de Educação e Cultura (22) 27851200/27853050 ou 99996412

obs.: Dia 30 dia da criação do município de Cardoso Moreira é feriado municipal.

*Dezembro de 2008

Festas Natalinas com inauguração do presépio na Praça Ibrahim Assed e Reveillon, Apresentação de Folias de Reis - Organizadores dos eventos Prefeitura Municipal de Cardoso Moreira e Departamento de Cultura/Sec. Municipal de Educação e Cultura (22) 27853050

obs.: Dia 8 - dia de Nossa Senhora da Conceição é feriado municipal nos muncípios da Diocese de Campos dos Goytacazes RJ.

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

RIO CONVOCA 3.948 PROFESSORES APROVADOS EM CONCURSO

Após ter divulgado nota na segunda (18) dizendo que não poderia aceitar os resultados do concurso para o magistério, com 3.948 vagas, a Secretaria de Estado de Educação do Rio publicou na quarta (20) edital de homologação e convocação dos aprovados.A decisão da não-oficialização do concurso foi tomada pela equipe de Nelson Maculan, ex-titular da pasta, que foi exonerado do cargo pelo governador, Sérgio Cabral (PMDB) na mesma segunda (18). A substituta, Tereza Porto (até então presidente do Proderj, Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Rio de Janeiro), tomou posse na terça (19). Segundo nota divulgada pela secretaria no dia 18, o resultado apresentava "inúmeros erros nas listagens", que interferiam "na ordem de classificação dos candidatos". A secretaria, no entanto, não precisou que erros seriam esses, mas disse que havia caso de recursos interpostos por candidatos que ainda não haviam sido jugados. De acordo com a Fesp (Fundação Estadual do Serviço Público), organizadora da seleção, a secretaria não enviou a lista com os erros detectados, mas a própria fundação já havia descoberto quatro problemas na listagem. Esses erros, segundo a Fundação, não interferiam na classificação dos candidatos, pois estavam relacionados a candidatos excedentes. As alterações foram publicadas no Diário Oficial do Estado na terça (19) e, segundo a Fesp, a secretaria foi informada de que os erros já haviam sido corrigidos. A assessoria de imprensa da secretaria, no entanto, disse ao UOL Empregos que ainda não pode se pronunciar sobre o assunto. Déficit de professoresO coordenador do Sindicato Estadual dos profissionais de Educação do Rio de Janeiro, Danilo Serafim, considera que a convocação, após o início do ano letivo, vai prejudicar os alunos."O ano letivo na prática já começa prejudicado por causa de carência de professores. Com um déficit de 17 mil, 4 mil não supre a carência necessária", disse à Agência Brasil.A Secretaria de Estado de Educação informou à Agência Brasil que, além dos professores aprovados, também serão convocados 2.052 professores do banco de reservas do concurso de 2008. Outras medidas para suprir a necessidade de profissionais na rede serão a assinatura de mil novos contratos temporários e a prorrogação de outros 1.610. ConvocaçãoOS 3.948 professores aprovados deverão se apresentar nas coordenadorias de ensino na data e no horário indicados nos telegramas enviados pela Secretaria de Educação. Ainda não há previsão para que eles tomem posse.Além do telegrama, os aprovados deverão levar documento de identidade, CPF, PIS-PASEP, titulo de eleitor, certificado de reservista, diploma de conclusão e carteira do Conselho Regional de Educação Física para professores dessa disciplina.
Reportagem extraída do site: www.uol.com.br

JÁ FORAM ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA A 1º OLIMPÍADA DE LINGUA PORTUGUESA REALIZADA PELO MEC

As inscrições para a 1ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro foram abertas no dia 19 de fevereiro e serão encerradas em 14 de abril. Cerca de seis milhões de estudantes de escolas públicas deverão reforçar os estudos e participar da competição, que envolverá atividades escolares, estaduais, regionais e uma etapa nacional. A olimpíada investirá na formação de professores a fim de melhorar os processos de ensino e aprendizado de leitura e escrita nas salas de aula.
Serão aplicados R$ 15 milhões em produção de diferentes materiais didáticos, realização de oficinas de leitura e campanha de divulgação. Também haverá recursos para transporte e hospedagem de alunos, professores e equipe de formação. O dinheiro resulta da parceria entre o Ministério da Educação, Fundação Itaú Social, União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec).
Poderão participar professores e alunos da 4ª e 5ª séries (5º e 6º anos), de 7ª e 8ª séries (8º e 9º anos) do ensino fundamental e também de 2º e 3º anos do ensino médio, todos de escolas públicas. A expectativa da Secretaria de Educação Básica (SEB/MEC) é alcançar 73.118 escolas, 200 mil professores e cerca de 6 milhões de estudantes em 4.450 municípios.
“O lugar onde vivo” será o tema central da olimpíada, desenvolvido em três gêneros textuais: poesia, memória e artigo de opinião. Para ajudar os alunos a se preparar, os professores receberão um Caderno de Orientação do Professor, com idéias para discutir a temática em sala de aula.
Haverá seleção de textos, nas escolas, municípios e nos estados, além das escolhas regionais, quando serão definidos 500 semifinalistas. Os estudantes e professores selecionados para a semifinal participarão das atividades de formação nas cidades-pólo – oficinas de leitura e escrita para os alunos e formação presencial para os professores. Além disso, os semifinalistas participarão de atividades culturais na cidade-pólo, onde também ocorrerá a cerimônia de premiação.
A última etapa será o encontro nacional para 150 finalistas, em Brasília, onde também haverá atividades culturais e cerimônia de premiação. Destes 150, serão escolhidos 15 estudantes e professores. Os 500 alunos e professores semifinalistas receberão medalhas de bronze e coleção de livros. Os 150 finalistas ganharão medalhas de prata e micro-systems. Os 15 classificados na etapa nacional receberão medalhas de ouro, computadores e impressores. As escolas onde estudam os 15 selecionados também ganharão prêmios: laboratório de informática com 10 micro-computadores e uma impressora, além de livros para a biblioteca, e os municípios de onde vêm os campeões receberão selo concedido pelo MEC.
As cidades-pólo são Belo Horizonte (para semifinalistas de Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro); São Paulo (apenas para alunos e professores do estado de São Paulo); Curitiba (para alunos e professores da região Sul); Goiânia (Centro-Oeste) e Belém (todos os participantes selecionados da região Norte). Os alunos e professores do Nordeste participarão de atividades em duas cidades-pólo: Fortaleza (para os semifinalistas dos estados de Maranhão, Ceará, Piauí e Rio Grande do Norte) e Recife (para os de Alagoas, Bahia, Pernambuco, Paraíba e Sergipe).
A Olimpíada de Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro será oficialmente lançada em 19 de fevereiro, no Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo, quando serão divulgados o cronograma e detalhes do processo de inscrição. Haverá também lançamentos regionais em todas as cidades-pólo.

Reportagem: Maria Clara Machado
Foto: www.portal.mec.gov.br

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Cardoso Moreira ontem, hoje e sempre cidade Carinho


* Foto 1 - Barcas - transporte nos anos 30 que ligava o centro de Cardoso moreira ao mais importante Bairro Cachoeiro do muriaé.

* Foto 2 - Sede da Fazenda Trapiche - onde os tropeiros que vinham de Minas Gerais pernoitavam para, traziam produtos não industrializados para embarcar em Cardoso Moreira com destino aos grandes centros, transporte feito pelo rio muriaé em barcas até o porto de campos no rio paraiba do sul.

* Foto 3 - Vista do centro da cidade de
Cardoso Moreira em 1930, foto encomendada por Coronel Salgueiro visando a organização urbana do centro da nossa cidade.

domingo, 17 de fevereiro de 2008

Atividades da Casa da Cultura Profª. Leny Jales Bellieny e Biblioteca Pública Municipal Profª. Elma Vieira Privatti Caldeira

Volta às aulas na Casa da Cultura Profª. Leny Jales Bellieny

- Decoração fevereiro/março - comemoração ao dia do circo, em exposições - fotos históricas, objetos de valor histórico e uma coleção de quadros em eucatex e óleo pintada por Caru em 1989,homenagem a Paraty cidade histórica da costa verde do estado do Rio de Janeiro, região sul fluminense, que faz parte do acervo da Casa da Cultura doada pelo Prof°. Humberto Laval Bertim.

Volta às aulas na Biblioteca Pública Municipal Profª. Elma Vieira Privatti Caldeira

- Oferece: oficina de leitura, material para pesquisa, clássicos da literatura e sala de vídeo/DVD

Estamos esperando por você!

Mensagem para reflexão

SAIBA viver eternamente,buscando estudar e aprender coisas úteis e proveitosas a você e ao próximo.
Quando paramos de aprender e de progredir, começamos a morrer realmente.
Aprenda o mais que puder,em todos os ramos do saber,para iluminar ao máximo o seu espírito.
Aproveite todos os seus minutos, para aprender, para aumentar seus conhecimentos.

C. Torres Pastorino
Livro Minutos de Sabedoria
40ª Edição
9.509 milheiro
Editora Vozes Petrópolis 2003

Informe Cultural com Ailton Nunes Guimarães

- Volta às aulas em Cardoso Moreira RJ

No município de Cardoso Moreira o ano letivo terá início nesta segunda-feira dia 18 de fevereiro de 2008, nas ecolas da rede pública estadual e particular, já as escolas da rede pública municipal aulas só no dia 25 de fevereiro de 2008. A secretaria Municipal de Educação e Cultura do nosso município informou que está organizando o ano letivo de 2008, onde inclui limpeza e reforma em diversas escolas do município visando assim o bem estar dos alunos da rede pública municipal de educação, a Secretaria Municipal de educação e Cultura através da Secretária Angela Maria Marreiros Dias informou que haverá transporte escolar a partir do dia 25 de fevereiro,dentro do município de Cardoso Moreira para atender os alunos do ensino infantil,fundamental e médio nos três turnos e para os cursos fora do município de Cardoso Moreira, como Campos dos Goytacazes e Itaperuna o serviço já até começou de acordo com a necessidade do aluno.

sábado, 16 de fevereiro de 2008

Carnaval 2008 colaboração de Angelica Zabal



Carnaval 2008
Boneca Anita da Praça Tiradentes, a revelação do Carnaval cardosense, desfilou pelas principais ruas da cidade com animação das tradicionais marchinhas do carnaval. foto1-3
Boi Caldo Verde da comunidade do Bairro da Palmeira participou pela primeira vez do carnaval cardosense.foto 2







Carnaval cardosense 2008 colaboração de Angelica Zabal








Carnaval 2008
Boneca Anita da Praça Tiradentes foto - ( foto 1)
Show carnavalesco na Praça Ibrahim Assed - (foto 2)
Destaque do carnaval cardosense Weith da Conceição - (foto 3)



Carnaval cardosense 2008 colaboração de Dirceu Tito Antunes

Banda Swing Tropical na segunada-feira de carnaval no Quiosque Mistura Fina na Praça Ibrahim assed, sem energia elétrica e com muita chuva fez a alegria dos foliões que foram até a Praça Ibrahim assed.(foto 1 )









Boi chupa Mas Não Baba e a Vaca Babona, comunidade do Bairro Novo mundo no carnaval 2008.(foto 2)




sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Carnaval cardosense 2008 colaboração de Dirceu Tito Antunes



Boneca Anita da Praça Tiradentes a revelação do carnaval cardosense.(foto 1)

Destaque do carnaval cardosense Weith da Conceição com participação no Boi Chupa Mas não baba e a Vaca Babona e no Boi caldo Verde.(foto 2)

Carnaval cardosense 2008 colaboração de Dirceu Tito Antunes

Praça Ibrahim Assed palco dos shows carnavalescos, aqui registro da animação da galera pelo companheiro Dirceu Tito.






quinta-feira, 14 de fevereiro de 2008

LULA ANUNCIA AMPLIAÇÃO DE INTERNET PARA TODA REDE PÚBLICA DE ENSINO ATÉ 2010


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou na noite desta segunda-feira, em pronunciamento oficial em cadeia nacional de rádio e TV, que ampliará até 2010 a internet para todas as 55 mil escolas públicas urbanas do Brasil.
Lula discursou em razão do início do ano letivo e também disse que vai aumentar os recursos transferidos da União para Estados e municípios para a educação básica --desde a creche até o ensino médio.
"Queremos ser exemplo, também, na informática nas escolas. Para isso, nos próximos dias estaremos lançando, em parceria com a iniciativa privada, um programa que, até 2010, levará internet em banda larga a todas as 55 mil escolas públicas urbanas do país", disse o presidente sobre a ampliação da rede nas escolas.
O presidente também afirmou que, por meio do PDE (Plano do Desenvolvimento da Educação), o governo pretende levar a 1.242 municípios com desempenho educacional crítico um reforço especial.


Extraído do site: www.folhaonline.com.br

ARTIGO: A ESCOLA, NOSSO PALÁCIO (II)


Rio - As palavras nos contam muitas coisas, mas é preciso freqüentar muito as aulas, passar bastante tempo nas escolas e prestar atenção aos professores que para ensinar aos alunos usam os livros.
Livro também veio do latim líber. Quem se dedica aos livros vive em liberdade, do latim libertas. Os livros e os professores nos libertam, isto é, nos livram da ignorância. Eles fazem isso nas escolas.
Nós deveríamos passar muito mais tempo nas escolas. É lá que se aprende, pois lá estão os professores, as salas, as bibliotecas cheias de livros, os laboratórios etc. E, claro, lá também estão os campos de futebol, as quadras de vôlei, as cantinas, que ninguém é de ferro.
Eu, que terminei de escrever este artigo, vou agora caminhar um pouco e olhar a paisagem. Fiquei muito tempo sentado e estou com os olhos cansados.
Depois, descansado, escreverei outro. Até de repente, então. Espero que vocês tenham encontrado nesse texto um sabor semelhante àquele que encontrei nos textos que li para descobrir isso, escritos por pessoas de saber.
Pessoas de saber têm sabor no que falam, não são como esses chatos que não lêem nada e por isso têm uma conversa insossa, sem tempero, limitada à fofoca. São pessoas cujo único assunto é a vida alheia.
O mundo mais interessante está nos livros. E mesmo o que está fora dos livros é visto de modo mais interessante depois que lemos alguns livros importantes. Foi exatamente isso que eu fiz. E por quê? Porque tive boas professoras e bons professores.E para terminar, vou lhes dizer uma coisa: jamais esquecerei a minha primeira professora, que me ensinou a ler a e a escrever. Ele me abraçava carinhosamente para me ensinar quando eu errava uma palavra.
Aliás, falta contar para vocês mais um segredo: faz tempo que eu ensino a minha professora. Ela está bem velhinha e aprende comigo lendo os meus artigos. E, orgulhosa, diz a todo mundo, mostrando o que eu escrevo e enchendo a boca com o meu nome.
Ela conta a história de sua vida e diz que eu faço parte da vida dela. Ela diz assim: “sabem, este aqui, o Deonísio da Silva, ele não sabia nada, nem ler, nem escrever. Um dia, acompanhado de seu pai, ele chegou à escola onde eu dava aulas. Ele foi meu aluno!”. Ela diz com muito orgulho isso. E eu também, digo com muito orgulho que eu fui aluno dela.
Nunca chamei minha professora de tia. Mas compreendo o motivos de ela ser chamada assim. É que o professor e a professora, não sendo nosso pai, nem nossa mãe, parecem irmãos de nossa mãe ou de nosso pai. O irmão de nossos pais é nosso tio. E a irmã de nossos pais é nossa tia.


* O escritor Deonísio da Silva, Doutor em Letras pela USP, é professor e Coordenador Geral do Curso de Letras da Universidade Estácio de Sá.
Extraido do site: www.odiaonline.com.br
Foto: www.plataforma.paraapoesia.nom.br

PÓS-GRADUAÇÃO: COMO ESCOLHER SEU CURSO


Alguns cuidados são básicos na hora de investir na pós para não levar 'gato por lebre'


Rio - Segundo dados da PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) do IBGE, realizada em 2004, o setor privado de pós-graduação cresceu 30% entre 2001 e 2004. Diante da oferta, como saber quais cursos são idôneos, quais são “caça-níqueis” e quais vão acrescentar algo, realmente, a sua carreira?
O primeiro item a checar é se o curso tem os pré-requisitos estabelecidos pelo MEC para as graduações lato sensu:
- Duração mínima de 360 horas- Exigir trabalho ou monografia de final de curso- Mínimo de 75% de presença dos alunos- Corpo docente constituído por 50% de mestres e doutores
No caso dos cursos stricto sensu, este trabalho o credenciamento é feito pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), agência que também avalia e dá notas para os cursos.
Segundo a coordenadora de acompanhamento e avaliação e adjunta da diretoria de avaliação da Capes, Rubia Maria Melo Silveira, consultar a página eletrônica da coordenação antes de ingressar em um curso de pós é fundamental para o estudante que busca esta formação.
“Desta forma ele tem a garantia da validade e legalidade, no âmbito nacional, de seu diploma”, disse.
Além disso, a própria instituição é obrigada a fornecer todas as informações sobre os cursos ministrados.
De acordo com o presidente da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, Jorge Almeida Guimarães, o estudante não deve iniciar um curso de mestrado, doutorado ou mestrado profissional antes de verificar se ele é reconhecido pela Capes/MEC.
Para o mercado, obrigatoriedade
A obrigatoriedade da especialização profissional no novo mercado de trabalho tem levado os trabalhadores a voltar para as salas de aula. Para Paulo Lemos, coordenador de pós-graduação da FGV, é mesmo o sinal dos tempos.
“A situação econômica mundial propicia mudanças cada vez mais rápidas no mundo dos negócios. A isso soma-se a velocidade da informação e da disseminação do conhecimento, o que leva o mercado a procurar executivos cada vez mais atualizados.”
Escolher a pós-graduação certa para o enriquecimento pessoal e profissional depende de vários aspectos. Um deles, apontado pelo coordenador de pós-graduação da UniverCidade, Ricardo Drummond, é identificar o que ele chama de anseios e necessidades.
“Muitos alunos procuram a pós-graduação por pura imposição do mercado ou da empresa. Sob pressão, têm mais dificuldades em decidir entre um MBA ou uma especialização lato sensu. Outros, estão em busca de criar novas oportunidades no mercado. Seja qual for o caso, eu recomendo sempre a solicitação de uma entrevista com a coordenação do curso, que vai definir se a escolha é a mais acertada para a carreira.”
O coordenador de pós-graduação da ESPM, Vicente Ambrósio, já acredita que o desejo pessoal deve ser o fator principal na hora de escolher entre o lato sensu e o stricto sensu.
“O que o profissional não pode deixar de fazer, hoje em dia, é investir na educação continuada. Conhecimento, no mundo globalizado, é tudo”, afirmou.
Também para Ediberto Strauss, coordenador dos cursos de Tecnologia da Informação da Escola Politécnica da UFRJ, “a educação continuada é a chave para entrar — e se manter — no mercado de trabalho”.


Extraído do site: www.odiaonline.com.br